terça-feira, 17 de julho de 2018

O Anel - Oráculo Art Nouveau da Sibilla Liberty


Dezessete de julho de 2018 - Terça-feira
O Planeta regente do dia é Marte.
O Sol está no signo de Câncer e 
a Lua está na sua fase nova e entrará
no signo de Libra às 16 horas e 43 minutos.
Na alquimia do dia temos os elementos Fogo, Água e Ar.
Hoje é um ótimo dia para fazer coisas difíceis.

A carta de hoje é O Anel do Oráculo do Baralho Art Nouveau  Sibilla Liberty, com ilustrações de  de Emanuela Signorini, Editora Lo Scarabeo, edição 2007.

As imagens não são simples ornamentos. As linhas e cores pintam a aura da alma de cada carta e expressam energeticamente o símbolo que ela representa. Desta forma, o leitor, olhando para essas cartas e meditando sobre o seu significado, é projetado para o mundo romântico.

Os símbolos da Art Nouveau Sibilla Liberty foram inspirados no baralho da famosa Mlle. Lenormand, cartomante pessoal da Imperatriz da França e seu marido Napoleão Bonaparte.

Este baralho não contém os Arcanos Menores, cada carta é uma obra de arte que encanta os nossos olhos.

A carta do Anel significa bênção, união e comprometimento (com algo ou com alguém). Ele nos remete em busca de nossos sonhos na sua prática. Desperta os sentimentos de segurança e confiança. Determinação de alma.  Boas parcerias profissionais, afetivas e financeiras.

Ela também pode trazer boas notícias, a aprovação de novos projetos, uma pessoa influente que lhe auxiliará financeiramente. Em relação a saúde há possibilidade de uma feliz gestação. Mas em maneira geral é boa. 

O lado negativo dela é um pouco complexo, pois muitos obstáculos aparecem e atrasam seus planos.

No dia 28 de julho, estarei ministrando um curso sobre o Baralho Petit Lenormand, para mais informações: dehjazzini@gmail.com.

Um abençoado dia para todos nós!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda em @simbolika.
  
Contato para consultas, cursos e eventos: 
WhatsApp: (11) 99850.7946







segunda-feira, 16 de julho de 2018

O Santo Graal do The Arthurian Tarot


Dezesseis de julho de 2018 - Segunda-feira.
O Planeta regente do dia é a Lua.
O Sol está no signo de Câncer e a 
Lua está na sua fase nova no signo de Virgem.
Na alquimia do dia temos os elementos Água e Terra.
"Eu acredito no que os meus olhos podem ver".

A carta de hoje é o Arcano Menor, o Ás de Água do  Legend The Arthurian Tarot, escrito e ilustrado por Anna -Marie Ferguson, pela editora Llewellyn, segunda edição, 1996.

Descrição do Arcano: O Santo Graal - Bem-aventurados aqueles que testemunham a maravilha do Santo Graal. Se alguém pensasse no Santo Graal como meramente os objetos materiais da missão, toda esperança de iluminação, é perdida. Para se beneficiar e compreender o fascínio duradouro da lenda, o Graal deve assumir seu significado mais elevado. Embora não possamos compreender seus mistérios, se o Graal for considerado o símbolo sagrado da presença Divina, a busca pode começar. Em essência, o Graal está sempre presente, embora nem todos o reconheçam.

Toda a natureza pode ser considerada uma manifestação do Graal e sua água onipotente. A julgar pela nossa resposta interna, pode-se suspeitar que a música e a arte são dons do Graal e um vislumbre da graça e da beleza que estão além.

Embora os cavaleiros cubram a distância física em sua busca, sua verdadeira busca era de natureza interior. Suas aventuras eram catalisadas, temperadas, estressantes e acelerando seu desenvolvimento até que finalmente transgrediram suas limitações de pensamento, permitindo que a luz se alastrasse. 

Essa expansão e dissolução temporária do eu, torna-se imerso no espírito do Graal, absorvendo seus mistérios. Esta é a última experiência mística e comunhão procurada pelos cavaleiros e muitas almas do passado e do presente.

O Graal tem um número de formas simbólicas, algumas das quais são o cálice, o caldeirão. Lendas celtas são abundantes de outro caldeirão mundial cujos atributos se assemelham aos do Graal. Os caldeirões dos contos celtas eram a fonte de inspiração e conhecimento sobrenatural. Alguns disseram ter o poder de restaurar a vida e fornecer comida suficiente para sustentar comunidades inteiras. O motivo do Caldeirão da Abundância sobrevive na versão cristianizada da lenda Arthuriana, com o Graal aparecendo como um navio que fornece comida para toda a Sociedade da Távola Redonda. 

As similitudes levaram alguns a acreditar que a nossa concepção do Graal é uma mistura do caldeirão celta pagão e do cálice cristão da última ceia e da que captou o sangue de Cristo.

Na primeira vista, reconhecer-se-á o cálice, enquanto o próprio vaso é o caldeirão azul-escuro de Annwn. O caldeirão está embalado dentro dos ramos da árvore da vida, cujo tronco forma o caule, erguendo-se de suas raízes terrenas para conectar simbolicamente o céu e a terra. Um serafim de seis asas paira sobre o Graal, enquanto as nove sacerdotisas da tradição celta assistem abaixo.

Este Arcano e imagem nos inspiram a fazer um ritual pessoal,  com os elementos sagrados que o seu coração invocar, aproveitando ainda as energias do elemento água.

Se você não se sentir apto a fazer um ritual, faça uma oração de sua escolha de coração, invoque as energias que a sua alma precisa nesse momento.

Desejo que você inicie a sua semana inspirada e protegida!

Um ótimo dia para todos nós!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô, à venda em @simbolika.

Contato para consultas, cursos e eventos:
WhatsApp: (11) 99850.7946





domingo, 15 de julho de 2018

Ás de Água - The Renaissance Tarot


Quinze de julho de 2018 - Domingo.
O Planeta regente do dia é o Sol.
O Sol está no signo de Câncer,
A Lua na sua fase nova e entrará no signo 
de Virgem às 14 horas e 32 minutos.
Na alquimia do dia temos os elementos Fogo, Água e Terra.
A sensibilidade continua intensa...

A carta de hoje é o Arcano Menor Ás de água do The Renaissance Tarot, Legends of the past now reaveal the future, escrito por Jane Lyle e ilustrado por Helen Jones, editora Fireside, edição 1998.

Descrevendo o Arcano: O ás de taças contém as águas da vida, do amor e da renovação criativa. É apoiado por duas sereias, simbólicas das grandes profundezas da mente inconsciente. A taça pode ser identificada com a fábula medieval popular do Santo Graal, um cálice mágico que pode ser encontrado no centro do paraíso. Os glifos dos três signos de água do zodíaco: câncer, escorpião e peixes aparecem acima da taça.

Cada ás significa a essência do seu naipe. Este ás enfatiza o elemento da água que corresponde à emoção, inspiração, receptividade e fertilidade. Esta taça representa o fluxo em várias áreas da vida, esforço criativo, amor e espiritualidade.

Ao se referir ao amor, essa carta freqüentemente sugere o início de um relacionamento profundo e intenso. Há uma abertura mútua do coração que estimula o emocional e promove sensações carinhosas. Dentro de uma parceria estabelecida, esta carta revela um aprofundamento dos laços. 

Como um presságio de criatividade, o ás de taças sugere inspiração de seus sonhos, do ambiente bonito, da arte ou da alegria e satisfação emocional. A fertilidade está no coração deste Arcano, muitas vezes os projetos ou sonhos que você meditou por um longo tempo começarão a se concretizar agora, porque a hora é certa e você está em harmonia com o seu mundo interior.

Este Arcano desperta também sonhos adormecidos em relação a parceria e comprometimento, celebrações à vista.

Que aconteça o melhor para todos nós!

Abençoado seja o nosso dia!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda em @simbolika.

Contato: Consultas, cursos e eventos:
WhatsApp: (11)  99850.7946



sábado, 14 de julho de 2018

O Seis de Água e a nostalgia


Catorze de julho de 2018 - Sábado. 
O Planeta regente do dia é Saturno.
O Sol está no signo de Câncer e a 
Lua está no signo de Leão, na fase nova.
Na Alquimia do dia temos os elementos Terra, Água e Fogo.
Recordar é viver de lembranças, ouse seguir em frente.

A carta de hoje é o Arcano Menor 6 de água, do The Art of Tarot, de Liz Dean  e ilustração de Emma Garner, da Cico Books, London, edição de 2004.

Interpretando o Arcano: Aceitar a sua história pessoal traz a recompensa da perspectiva e da experiência, e essa carta pode sinalizar decisões positivas e uma nova direção na sua vida. Isso pode ser interpretado como o fluxo do passado para o presente, dando-lhe um novo ímpeto para planejar o futuro.  Momento das memórias felizes ressurgem e você pode se lembrar de velhos e importantes amigos.

No seu lado sombra: Viver de nostalgia, incapacidade de abandonar o passado. A lembrança do velho vivo mantém você emocionalmente preso e incapaz de acolher oportunidades e novas pessoas. 

Então você pode se perguntar que está te segurando para mudar a sua vida?

Nem tudo dá para controlar e para manter em rédea curta, solte-se e aceite as surpresas que a vida pode lhe oferecer, a sua parte é estar aberto, colabore.

Um abençoado dia para todos nós!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda em @simbolika

Contato para consultas, cursos e eventos:
WhatsApp: (11) 99850.7946




sexta-feira, 13 de julho de 2018

Abençoar e ser abençoado - Healing Cards


Treze de julho de 2018 - Sexta-feira.
O Planeta regente do dia é Vênus.
O Sol está no signo de Câncer,
E a Lua na sua fase nova entrará 
no signo de Leão às 14 horas e 32 minutos.
Na Alquimia do dia temos os elementos Terra, Água e Fogo.
Dá para fazer coisas mágicas hoje.

A carta de hoje é Benção - Blessing, do Healing Cards, the Conspiracy Deck, de Chuck Spezzano, Phd. Editora AGMüller, arte de Anna Szolc, segunda edição, 2010.

Descrição da Carta: Quando abençoamos, ambos damos e recebemos bênçãos. É um antídoto para o julgamento e o sacrifício. A bênção cria fluxo e inspira o crescimento. Abençoar é um ato de generosidade expansiva, e tanto a expansividade quanto a generosidade nos fazem sentir mais de nós mesmos. Se começarmos a abençoar a todos e a tudo em torno de uma conspiração, começamos a abençoar nosso caminho para sair do problema. 

No início, isso fornece luz e esperança e, eventualmente, revela uma saída. Abençoar é simplesmente desejar o melhor para alguém. As bênçãos ajudam os outros e a nós.  

Isso nos lembra de gratidão e nos ajuda a experimentar a abundância na vida. Ela nos devolve de gratidão e nos ajuda a experimentar a abundância na vida. Isso nos leva de volta ao sentimento de que "tudo é bom". 

A bênção nos liga àqueles que abençoamos. Um fio de luz nos une a eles. Abençoe alguém o suficiente, e essa crença torna-se um fio de luz, que podemos trançar em uma corda de luz, ou até mesmo um cabo.

Cabos suficientes fazem uma ponte de bênçãos, e o que de outra forma teria sido inacessível se torna possível. As bênçãos são um simples ato positivo que começa a reverter a negatividade em uma situação.

Abençoado seja o seu dia e que aconteça o melhor!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda @simbolika.

Contato: Consultas, Cursos e Eventos
WhatsApp: (11) 99850.7946

quinta-feira, 12 de julho de 2018

O caminho dos espíritos do sul


Doze de julho de 2018 - Quinta-feira.
O Planeta regente do dia é Júpiter.
O Sol  e a Lua estão no signo de Câncer,
e entrará na sua fase nova às 23 horas e 49 minutos.
Hoje temos eclipse parcial do Sol às 23 horas e 49 minutos. 
Na Alquimia do dia temos os elementos Fogo e Água.
A intensidade das emoções estão aceleradas.

A carta de hoje é do Oráculo Spirit of the Wheel, meditation deck, criado por Linda Ewashina e ilustrações de Jody Bergsma. Publicado pela U.S. Games Systems, inc no ano de 2006. 

Descrição da carta: O caminho dos espíritos do sul. 

Profecia: "Permanecendo na porta de entrada para um novo ciclo em sua vida, você está paralisado pelo medo pelo o que está por vir. No passado, você lidou com alguns dos seus medos e iniciou o processo de reconhecimento da sua autoestima. Agora, uma grande oportunidade para um novo começo espera por você.

Traga o desejo de volta à sua vida, para que você possa ir além de seus medos e concretizar os seus objetivos futuros. Você alcançou um estágio verdadeiramente significativo em sua vida. Prepare-se alimentando o crescimento que ocorre dentro de você. Comece perdoando a si mesmo e entendendo que todas as nossas experiências nos fortalecem. O crescimento é sobre assumir a responsabilidade por sua vida e ir além de seus medos e limitações para um senso maior de si mesmo.

Aceitar nossas habilidades inatas e nossos potenciais como presentes do Grande Espírito, nos ajuda a perceber que nossos medos são realmente apenas anexos de nosso ego, agora nosso verdadeiro eu. Começamos então a usar nossos talentos, para prestar um maior serviço ao mundo.

Você pode recitar esta oração quantas vezes precisar para se fortalecer: "Enquanto estou na porta de entrada para uma nova fase da minha vida, peço ao Criador, a reconhecer e nutrir meus talentos. Que eu possa ir além de qualquer apego do meu ego, aceitando as minhas limitações e reconhecendo as minhas qualidades. Que aconteça o melhor!"

Desejo um ótimo dia para todos nós!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda na @simbolika

Contato para consultas, cursos e eventos:
WhatsApp: 99850.7946


quarta-feira, 11 de julho de 2018

A Lua - Tarocchi di Giulietta e Romeo


Onze de julho de 2018 - Quarta-feira.
O Planeta regente do dia é Mercúrio.
O Sol está no signo de Câncer e a 
Lua entrará no signo de Câncer às 15 horas,
ainda na sua fase minguante.
Na alquimia do dia temos os elementos Ar e Água.

A carta de hoje é o Arcano Menor, a Lua, do Tarocchi di Giulietta e Romeo, de Luigi Scapini, da Editora Dal Negro.

Descrição da carta: No alto de uma sacada, está Giulietta, ajudando o seu Romeo a chegar seguro ao seu encontro. Após subir uma escada de cordas, felizmente os dois se encontram. Havia um rouxinol que todas as noites cantava ao casal apaixonado. E refletido no vidro da janela, estava a lua das mentiras, lua dos desejos...abençoada lua inconstante.

O Arcano Maior - A Lua, alimenta a nossa imaginação, desperta os nossos sonhos e o lado mais romântico. Por vezes podemos nos iludir, pois há o desejo de viver histórias reais. 

"Quando o vi pela primeira vez, os olhares atravessaram um portal. Encantei-me e busquei saber mais dos seus mistérios e você me apresentou novos horizontes, despertando o melhor dentro de mim". (Trecho do livro: Na Rota do Tarô)

A Lua tem uma aura de mistério. A imagem inspira a criar histórias, escrever poemas, suspirar, sentir a pessoa amada. Em cada fase da lua, temos um tipo de comportamento, ora mais efusivos, ora mais quietos, não há monotonia.

Este Arcano também nos impulsiona no desejo de conhecer mais a respeito da espiritualidade, da magia e dos seus mistérios. O aprendizado está em permitir-se ousar, sonhar com atitudes concretas, para não ser apenas uma fantasia.

O princípio dos fortes sentimentos nos leva a nos aprofundarmos mais em nossa essência e nutrir a nossa alma. 

Estamos no último dia da lua minguante, ótimo para eliminar o que não nos faz bem, pois a partir de amanhã, inicia uma nova lunação e uma nova fase da lua. 

Preste atenção nos próximos dois dias, pois você estará muito mais sensível do que o normal, as emoções estarão à flor da pele, abasteça o estoque de lenços e não se intimide se você tiver vontade de chorar, solte-se!

Um ótimo dia para nós!

Deborah Jazzini
Membro Honorário da Casa de Tarot de Lisboa

Livros: O Pulo do Gato e Na Rota do Tarô à venda em @simbolika.

Contato para consultas, cursos e eventos:
WhatsApp:(11) 99850.7946